Os 65 ditados populares brasileiros mais utilizados e seus significados


Ditados ou provérbios populares são frases curtas com a intenção de transmitir um pensamento, um conselho ou uma advertência. São expressões populares, de origem muitas vezes incerta, que são passadas de geração em geração. Como manifestação da cultura popular, fazem parte do folclore de um povo.

Provérbios populares que transmitem motivação, perseverança e força de vontade

Para estimular a garra de quem está em busca de atingir objetivos. Seja no estudo ou no trabalho, esta lista é para quem está se esforçando:

1. Para baixo todo santo ajuda, para cima é que a coisa muda.

Significado: esse provérbio é uma metáfora de várias situações da vida. "Para baixo" representa as coisas fáceis que qualquer um faz "com um pé nas costas", como se diz. Mas "para cima" é que a coisa complica de verdade.

2. Água mole, pedra dura, tanto bate até que fura.

Significado: esse ditado explica, através de uma metáfora, que a persistência pode dar resultado, por mais "duro" que seja o objetivo a ser alcançado.

3. Caiu na rede, é peixe.

Significado: se "caiu na rede" (ou seja, se você conseguiu), aproveite sem pestanejar, independentemente do resultado ser o ideal.

4. De grão em grão, a galinha enche o papo.

Significado: esse ditado tem a ver com paciência e perseverança. O que hoje parece pouco pode virar um montão amanhã.

5. Devagar se vai ao longe.

Significado: esse ditado é inimigo da pressa. Grandes distâncias muitas vezes requerem paciência. Com paciência e esforço, chegaremos lá!

6. A pressa é inimiga da perfeição.

Significado: outro ditado que exalta as virtudes da calma e da paciência.

7. Quem tem boca vai a Roma.

Significado: esse ditado chama a atenção para a importância da comunicação para a gente ir longe na vida. Parafraseando o apresentador Chacrinha: "Quem não se comunica se trumbica".

8. A união faz a força.

Significado: um grupo unido é muito mais forte do que uma pessoa só ou um grupo rachado.

9. Depois da tempestade vem a bonança.

Significado: o que é verdade para a natureza é verdade também para a vida. Não se aflija, pois depois dos problemas vem sempre a calmaria. Ao menos é o que diz o ditado...

Os ditos populares que te ajudam a manter o olho vivo

A gente nunca sabe o que os outros querem da gente ou como vão reagir com as nossas ações. Por isso, estes ditos populares são para ajudar você a se manter atento.

10. O seguro morreu de velho.

Significado: esse ditado é um alerta para quem acha que está garantido e que não deve se preocupar com nada. Um ditado para quem vive de olho bem aberto.

11. As aparências enganam.

Significado: é comum as pessoas alertarem as outras sobre a possível falsidade das aparências. Às vezes somos enganados porque gostamos tanto da capa, do rótulo, que ignoramos o que há por dentro.

12. Por fora, bela viola. Por dentro, pão bolorento.

Significado: esse dito tem a ver com o anterior. Ele se aplica não só a pessoas, mas a situações em que as aparências podem esconder interiores podres. Será verdade?

13. O amor é uma flor roxa que nasce no coração do trouxa.

Significado: esse ditado é bem pessimista. Trata-se de um alerta sobre os perigos do amor.

14. Pimenta nos olhos dos outros é refresco.

Significado: esse ditado fala da tendência que algumas pessoas têm de menosprezar ou minimizar a dor e o sofrimento alheios.

15. Escreveu, não leu: o pau comeu.

Significado: isso serve para várias situações da vida em que nos descuidamos daquilo que fazemos. Fazer alguma coisa sem atenção pode ter consequências bem ruins. Dá para encarar também no sentido literal, o da escrita.

16. Cão que ladra não morde.

Significado: esse dito se baseia na ideia de que as pessoas realmente mais perigosas agem sem fazer alarde.

17. Uma andorinha só não faz verão.

Significado: uma pessoa não deve ser julgada por um ato isolado. Essa frase foi escrita pelo filósofo grego Aristóteles em Ética a Nicômaco. Só que em vez de verão, ele escreveu "primavera".

18. Gato escaldado tem medo de água fria.

Significado: esse ditado fala dos aprendizados da vida. Quando erramos ou sofremos por alguma razão, a tendência é que queiramos evitar passar por isso de novo no futuro. Ficamos escaldados.

19. Mentira tem perna curta.

Significado: esse ditado usa a imagem das pernas para dizer que uma mentira, por mais bem contada que seja, não vai muito longe.

20. O barato sai caro.

Significado: um conselho que se aplica perfeitamente aos negócios. Muitas vezes as soluções mais baratas acabam trazendo prejuízos futuros. Parte-se do pressuposto de que algumas coisas baratas são de pior qualidade.

21. Quem com ferro fere com ferro será ferido.

Significado: esse ditado, que é também um trava-língua, baseia-se na ideia de que as ações danosas praticadas por uma pessoa voltam na mesma moeda.

22. Quem semeia vento colhe tempestade.

Significado: trata-se da mesma mensagem da frase "A gente colhe o que planta". Nada acontece do nada nem por acaso. Quando agimos, produzimos determinados resultados.

23. É na necessidade que se conhece o amigo.

Significado: parte-se do pressuposto de que os amigos de verdade são aqueles que nos acolhem e ajudam nos momentos mais difíceis.

24. Melhor prevenir do que remediar.

Significado: o que está por trás desse ditado é a ideia de que remediar (consertar, corrigir) é bem mais difícil e trabalhoso do que evitar um problema. É um dito que ensina a ser prudente.

25. Não cutuque a onça com vara curta.

Significado: essa advertência é muito valiosa. "Cutucar a onça com vara curta" é arriscadíssimo, já que a gente se expõe ao ataque do grande felino. Dá para comparar com diversas situações da nossa vida.

26. Nem tudo que reluz é ouro.

Significado: esse ditado é primo daquele que diz que "as aparências enganam", ou mesmo do que fala: "Por fora, bela viola. Por dentro, pão bolorento".

Aceitação: os ditados populares para se conformar

Todo mundo busca por uma vida melhor, mas pelo meio do percurso há sempre momentos em que a coisa pode não avançar exatamente como se queria. Nessa hora, vale usar um dos seguintes ditados:

27. Cavalo dado não se olha os dentes.

Significado: os dentes do cavalo acusam a sua idade, interferindo no seu preço. Portanto, esse ditado usa o comércio de cavalos para dizer que não devemos julgar os presentes recebidos.

28. Quem não tem cão caça com gato.

Significado: já ouviu a expressão "Se não tem tu, vai tu mesmo"? É mais ou menos por aí. A gente às vezes tem que se conformar com o que tem, ainda que isso não seja o ideal.

29. Quem pode pode; quem não pode se sacode.

Significado: usa-se essa expressão para se fazer referência a pessoas ricas. Estas "podem". Já quem não pode se sacode...

30. Um dia da caça, outro do caçador.

Significado: parte-se da ideia de que as coisas mudam. Hoje pode ser que você esteja por baixo. Mas quem sabe amanhã você não pode dar a volta por cima?

31. Deus escreve certo por linhas tortas.

Significado: esse ditado lembra outro: "Há males que vêm para o bem". Pode ser que o que está acontecendo agora, apesar de não parecer lá muito bom, resulte em coisas boas. A mensagem é mais ou menos esta: saiba ver o lado bom das coisas.

32. Mais vale um pássaro na mão do que dois voando.

Significado: esse é o ditado de quem não gosta de muitos riscos. Em vez de arriscar perder tudo, melhor garantir os ganhos que já tem.

33. O que não tem remédio remediado está.

Significado: ora, se algo não tem solução, para que sofrer? É um ditado conformista. Mas bem realista.

34. Nada como um dia após o outro.

Significado: esse dito popular, muito usado em diversas situações, é o mantra da pessoa que quer consolar outra. É uma expressão prima daquela a que nos referimos acima: "Depois da tempestade, vem a bonança". Se hoje está ruim, amanhã será melhor.

35. Antes tarde do que nunca.

Significado: outro ditado otimista. Para que reclamar que alguma coisa demorou para acontecer? Pelo menos aconteceu.

Atenção: os ditados populares que te põem em alerta!

Quando alguém anda se “perdendo na vida” por más influências, também existem provérbios muito utilizados para dar aquele toque:

36. Para bom entendedor, meia palavra basta.

Significado: segundo esse ditado, uma pessoa esperta não precisa ouvir muito para entender o que se passa. Basta um detalhe, uma pequena fração.

37. Antes só do que mal acompanhado.

Significado: muita gente usa esse ditado como lema de vida. É uma advertência para pessoas que andam com más companhias.

38. Cada macaco no seu galho.

Significado: esse ditado é usado por quem que está incomodado com outras pessoas. Geralmente, pessoas intrometidas.

39. À noite todos os gatos são pardos.

Significado: dá para interpretar essa expressão no sentido literal ou metafórico. Como sabemos, na escuridão é difícil distinguir as coisas, ainda que tenham cores e formas diferentes. Por isso, todos os gatos parecem ter a mesma cor. Mas podemos pensar em situações da vida em que, apesar das diferenças, as particularidades são ignoradas.

40. De médico e de louco todo mundo tem um pouco.

Significado: somos seres complexos. Temos nosso ladinho mais são, temos nosso ladinho mais biruta.

41. Diz-me com quem andas e eu te direi quem és.

Significado: parte-se do princípio de que somos semelhantes às pessoas com quem temos mais afinidade.

42. O hábito faz o monge.

Significado: essa expressão é uma crítica ao juízo que se faz de alguém pelas aparências. O hábito, no caso, é a vestimenta do monge.

43. Onde há fumaça há fogo.

Significado: muito utilizado no noticiário político, esse provérbio chama a atenção para as manifestações mais visíveis de um evento que ainda não foi desvendado. Embora não se tenha certeza absoluta de que algo está ocorrendo (por exemplo, um caso de corrupção na política), podem-se ver certos indícios que sinalizam que isso de fato está ocorrendo.

44. Quem se mistura com porcos farelo come.

Significado: esse ditado é primo do que diz "melhor só do que mal acompanhado" ou "diga-me com que andas que eu te direi que és".

45. Em boca fechada não entra mosquito.

Significado: essa expressão traduz uma ideia muito corrente que diz que, em muitas ocasiões, é preferível manter o bico calado. O silêncio pode ser uma virtude.

Ditados populares antigos, que estão na ponta da língua dos avós

Aqueles que a gente ouve mais em casa, no almoço de domingo… Coisas de família:

46. Quem canta seus males espanta.

Significado: já tentou? Tem gente que diz que é ótimo!

47. É dando que se recebe.

Significado: esse ditado é uma ode à generosidade.

48. A voz do povo é a voz de Deus.

Significado: vem do latim Vox populi, vox Dei. Mas se nem todos pensamos igual, quem será que representa a "voz divina"? A maioria? Mas o que dizer dos grupos minoritários? Esse assunto dá pano pra manga.

49. Casa de ferreiro, espeto de pau.

Significado: seria de se esperar que, em casa de ferreiro, os espetos fossem de ferro. Mas por algum mistério não revelado os espetos são de pau. Você conhece alguém muito habilidoso em algo que não utiliza essa habilidade para si mesmo ou para as pessoas que vivem com ele?

50. Filho de peixe peixinho é.

Significado: há casos em que isso é mesmo muito verdade. Mas nem sempre. Filhos podem seguir rumos bem diferentes daqueles trilhados pelos pais.

51. Quem ama o feio bonito lhe parece.

Significado: beleza é algo muito subjetivo. O belo nem sempre é aquilo que atende aos padrões. No que diz respeito aos seres humanos, uma pessoa considerada feia pode se tornar bela devido a inúmeras qualidades que tem.

52. Quem casa quer casa.

Significado: a segunda "casa" representa todas as obrigações relacionadas à vida em família.

53. Saco vazio não para em pé.

Significado: trata-se de uma advertência: alimente-se bem!

54. Quando um burro fala, o outro abaixa a orelha.

Significado: é um ditado meio grosseiro, mas a mensagem é clara: é preciso se calar e prestar atenção quando é a outra pessoa que está falando.

55. Não adianta chorar pelo leite derramado.

Significado: quando algo já foi e não tem mais remédio, não adianta mais se lamentar. Bola pra frente!

56. Em rio que tem piranha, jacaré nada de costas.

Significado: trata-se de uma advertência: quando há perigo iminente, melhor ter atenção. No caso, a referência às costas do jacaré tem a ver com o fato dessa parte do corpo do animal ser mais rígida.

57. Faça o que eu digo, não faça o que eu faço.

Significado: muitas vezes recebemos conselhos de pessoas que não levam uma vida muito virtuosa. Chamamos essas pessoas de hipócritas. E elas nos respondem com esse provérbio.

58. Águas passadas não movem moinho.

Significado: esse dito popular se refere à ideia de que coisas que aconteceram no passado já não interferem no presente. Será?

Os ditados populares mais engraçados

Como os ditados são tradições orais transmitidas para as novas gerações ao longo do tempo, acabam por sofrer modificações e são atualizados constantemente. Além disso, como o povo brasileiro é muito criativo, alguns provérbios foram mudando até se tornarem uma resposta engraçada ao original:

59. Quem ri por último ri melhor. (Quem ri por último não entendeu a piada).

60. O apressado come cru (e quente).

61. Os últimos serão os primeiros. (Os últimos serão… os desclassificados).

62. Quem espera sempre alcança. (Quem espera… fica de saco cheio).

63. Em terra de cego quem tem olho é rei. (Em terra de cego quem tem olho é caolho).

64. Deus ajuda quem cedo madruga. (Quem cedo madruga fica com sono o dia inteiro).

65. A União faz a força (e também faz açúcar).

Gostou desse conteúdo? Experimente ler este também:

40 trava-línguas difíceis e dificílimos

Os 70 melhores trava-línguas: dos mais difíceis aos mais fáceis