12 animais de estimação exóticos e pequenos para ter em casa


Atualizado em

Cães, gatos e peixes não são os únicos tipos de animais que podemos ter em casa. Saiba que há outras opções de animais de estimação - algumas delas bem exóticas.

Antes de conhecer melhor a nossa lista de 12 animais de estimação pouco convencionais, é necessário fazer um alerta: muito cuidado na hora de comprar um animal silvestre. Alguns animais, como a tartaruga-tigre-d’água, o jabuti-piranga, a jiboia e a iguana, só podem ser comercializados com autorização do IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis).

Assim, sempre que você for comprar um animal, é importante ter certeza de que o fornecedor tem autorização do órgão de fiscalização para comercializá-lo. Caso contrário, é crime.

Hamster

hamster sírio

Hamster são roedores muito requisitados como animais de estimação, seja por seu comportamento sociável ou por sua aparência fofa. Existem algumas espécies de hamster domesticáveis. A maior delas, o hamster-sírio, pode medir até 20 cm e pesar 140 g. Comparados com cães e gatos, esses pequenos animais vivem pouco: entre 18 meses e 3 anos, às vezes um pouco mais.

Uma característica peculiar dos hamsters é o tamanho de suas bochechas. Elas são enormes e funcionam como grandes bolsas que permitem ao animal armazenar alimentos. Na natureza, os hamsters usam essas bolsas para levar os alimentos coletados até a sua toca.

Porquinho-da-índia

Porquinho da índia

Porquinhos-da-índia são roedores pequenos, mas ainda assim maiores que os hamsters. Um adulto pode atingir 50 cm de comprimento, 13 cm de altura e pesar até 1 kg. Além de maiores, eles vivem mais do que os hamsters: entre 6 e 8 anos.

Existem cerca de 13 raças de porquinhos-da-índia, que podem ser encontrados em diversas cores, como o marrom, o preto e o creme. São animais bastante sociais e ativos, inclusive durante o dia.

Coelho

coelho

Coelhos são bem fofos: pelos longos, orelhas compridas e os dentinhos da frente avantajados. São animais dóceis e um pouco tímidos, às vezes assustados.

Coelhos são extremamente velozes, podendo ultrapassar os 50 km/h com alguma facilidade. Por isso, se você tiver ou quiser ter um coelho em casa, é preciso ter atenção às fugas. É impossível alcançar um coelhinho em disparada…

Eles variam muito em relação à cor (marrom, cinza, branco etc) e tamanho. Têm entre 1 e 7 kg, dependendo da raça. Se bem cuidados, podem viver entre 8 e 12 anos.

Tartaruga-tigre-d’água

Tartaruga tigre dágua

Essa espécie de cágado vive em ambientes de água doce, como rios, lagoas e pântanos da Argentina, do Uruguai e do Brasil. Devido à coloração das manchas em seu corpo, é também conhecida como tartaruga-verde-e-amarela. Na fase adulta, pode atingir 25 cm de comprimento. É onívora (come alimentos tanto de origem vegetal quanto animal) e pode viver até 30 anos.

Uma coisa importante na hora de contactar um vendedor é saber se ele tem autorização do IBAMA para comercializar esses animais. A captura de ovos de tartaruga para o tráfico ilegal é uma das ameaças a essa espécie.

Jabuti-piranga

jabuti piranga

Diferente dos cágados, que são semiaquáticos, os jabutis são animais totalmente terrestres. Também conhecido como jabuti-vermelho, o jabuti-piranga é um animal muito ativo (apesar da sua famosa lentidão), podendo caminhar durante horas num único dia. Um indivíduo grande pode atingir 55 cm de comprimento.

Nativo da América do Sul, o jabuti-piranga ocorre em diversos biomas brasileiros, como a Mata Atlântica e a Amazônia. Antes de adquirir um jabuti, é preciso estar atento a algumas informações importantes. Você sabia que um jabuti-piranga pode viver até 80 anos?

Em segundo lugar, é preciso ter em conta que adquirir animais silvestres sem a devida autorização é crime. Portanto, a única opção, caso você pretenda ter um jabuti, é comprar de um criadouro registrado no IBAMA.

Furão

furão

O Mustela putorius furo, espécie de furão usada como animal de estimação, é conhecido por seu corpo fino e alongado: os machos, que são maiores, têm entre 38 e 41 cm de comprimento (sem a cauda). Se bem cuidados, podem viver de 6 a 10 anos.

Furões são excelentes animais de estimação. Além de serem afetuosos e curiosos, têm muita energia para gastar. Por isso, ter um furão em casa requer bastante dedicação do tutor, que precisa pôr o bichinho para se exercitar.

Não existem criadouros de furão no Brasil. Por isso, quem quiser ter um animal desses em casa precisará comprá-lo de criadouros estrangeiros, o que pode não ser tão barato. Ter um furão no Brasil é legal, mas é preciso ter autorização do IBAMA, que exige que o animal seja chipado e castrado.

Rato-twister

rato twister

Engana-se quem pensa que as nossas casas não são lugares para ratos. Tais como os hamsters e os porquinhos-da-índia, ratos são mamíferos roedores que podem ser ótimos animais de companhia. Portanto, sem preconceito!

Ao contrário do que podemos pensar, esses animais não são sujos nem transmissores de doenças, como os ratos que vivem nos esgotos das cidades. Entender isso é o primeiro passo para perder o preconceito.

A espécie de rato mais usada como animal doméstico é o twister, uma ratazana bastante ativa, brincalhona e sociável. Pode ser encontrada em diversas cores, como o preto, o castanho e o branco (no caso dos ratos albinos). Em relação ao tamanho, mede por volta de 30 cm (com a cauda). Vive entre 2 e 4 anos.

Iguana

iguana

Iguanas são répteis nativos das Américas. No Brasil, elas ocorrem em diversos biomas, como o cerrado, a Mata Atlântica e a Amazônia. Mas também é possível ter uma iguana como animal de estimação - desde que comprada de um criadouro autorizado!

Não espere aquele afeto e carinho que cães e gatos podem proporcionar. A iguana é um animal discreto, que gosta de ficar “na dela”. Na natureza, vive a maior parte do tempo nas árvores. Por isso, terrários de iguanas contam com troncos e galhos, para que ela possa trepar.

Terrários são ambientes em que tentamos reproduzir ao máximo as condições ambientais em que determinado animal vive na natureza. No caso das iguanas, a temperatura é fundamental. Recomendam-se temperaturas quentes (entre 28º e 32ºC). Por isso, é importante se informar com veterinários antes de adquirir uma iguana.

Jiboia

jiboia

A jiboia é uma serpente não venenosa que muita gente aprecia como animal de estimação. No Brasil, existem duas subespécies nativas de Boa constrictor, que vivem em diversos biomas, como o cerrado, a Amazônia e a Mata Atlântica. Para adquirir uma jiboia, é preciso contactar criadores autorizados pelo IBAMA.

Jiboias são serpentes de porte médio (podem atingir 4 m de comprimento) e são conhecidas pelas manchas geométricas na pele. Alimentam-se de pequenos animais, como camundongos, anfíbios e aves. Em cativeiro, podem viver em torno de 20 anos.

Sempre é bom ter cuidados especiais quando se trata de animais exóticos, sobretudo em relação à alimentação e ao espaço destinado ao animal. No caso da jiboia, é importante ter um recinto adequado às necessidades da espécie, e por isso é recomendável consultar veterinários e especialistas a fim de garantir uma boa qualidade de vida para o pet.

Chinchila

chinchila

Chinchilas são mamíferos roedores naturais dos Andes. São ideais para quem vive em casas pequenas ou apartamentos, pois são tranquilas, silenciosas e relativamente fáceis de cuidar, se compararmos com outros pets.

Chinchilas gostam de gastar energia. Por isso, o ideal é ter gaiolas espaçosas, com uma estrutura que permita que o animal se exercite. Além disso, passeios fora da gaiola são recomendáveis. Chinchilas adoram uma escalada!

Elas podem atingir 30 cm e pesar quase 1 kg. Apesar da grande variedade de cores, as mais comuns são as de pelagem acinzentada. Esses pequenos animais, quando bem cuidados, podem viver mais de 10 anos - alguns chegam a 20!

Calopsita

Calopsita

A calopsita é uma ave nativa da Austrália, onde vive em bandos de centenas e às vezes milhares de indivíduos. Na natureza, essas aves preferem as áreas abertas e próximas a cursos de água doce.

A calopsita é uma ave pequena (pesa em torno de 80 g). É famosa por sua crista arrepiada, que faz lembrar o penteado moicano dos punks. Por essa razão, ela é conhecida como papagaio-de-crista. Outra característica marcante é a sua cauda pontiaguda de 15 cm.

Calopsitas são ótimas companheiras. Sociáveis e dóceis, elas costumam interagir bastante com as pessoas da casa, tornando-se verdadeiras amigas do dia a dia. Tal como os papagaios, as calopsitas imitam sons humanos. Elas vivem em média 15 anos.

Miniporco

mini porco

Os miniporcos ou minipigs são excelentes companhias para quem quer alternativas para cães e gatos. Brincalhões, sociáveis, dóceis - o que não faltam são elogios para esses animais que, na fase adulta, não ultrapassam os 60 cm de altura.

Miniporcos são bem comilões e, quando estão com fome, costumam pedir comida com insistência para os donos. Ao contrário do que muita gente pensa, são animais bem limpinhos e não exalam mau cheiro.

Tal como os nossos cães, os porquinhos adoram passear. Há diversos vídeos na internet de pessoas levando seus miniporcos para dar uma volta na praça. É incrível como esses bichinhos são simpáticos!

Gostou dessa lista? Então vai gostar desta também: