As 16 músicas mais tocadas no Brasil em 2020


Atualizado em

2020 foi o ano do sertanejo no Brasil. Dentre os 16 maiores sucessos, só há lugar para dois outros estilos: o funk e o pagode. Confira quais foram as músicas mais escutadas pelos brasileiros em 2020, seja nas rádios, nos aplicativos ou nas plataformas de streaming.

1. Com ou Sem Mim - Gustavo Mioto

Nenhuma música tocou tantas vezes nas rádios brasileiras no ano de 2020, segundo ranking divulgado pela ferramenta de monitoramento Crowley, como "Com ou Sem Mim". Trata-se de uma música de amor que mescla sofrimento e conformismo. Afinal, amores começam e acabam, não é mesmo?

2. Liberdade Provisória - Henrique & Juliano

Em 2020, "Liberdade Provisória" foi a canção que mais tocou no Spotify. A música da dupla Henrique & Juliano também se destaca no YouTube: foi a música mais ouvida do ano nessa plataforma. Nas rádios, porém seu desempenho não conseguiu superar "Com ou Sem Mim", de Mioto, e "A Gente Fez Amor", de Gusttavo Lima.

3. A gente Fez Amor - Gusttavo Lima

Canção do álbum O Embaixador in Cariri, "A Gente Fez Amor" foi a segunda música mais tocada nas rádios em 2020. Foi a quarta mais tocada no aplicativo YouTube Music. Seja como for, se somarmos todas as músicas, Gusttavo Lima se destaca como o artista mais ouvido do ano. É para poucos.

4. Pot-Pourri: Melhor Eu Ir/Ligando Os Fatos/Sonho de Amor/Deixa Eu Te Querer (Ao Vivo) - Grupo Menos É Mais

Quem acha que a época do pagode já passou está muito enganado. Prova disso é o fato do disco Churrasquinho do Menos É Mais ter sido um dos mais ouvidos de 2020, com destaque para o pot-pourri "Melhor Eu Ir/Ligando Os Fatos/Sonho de Amor/Deixa Eu Te Querer". Pagodão, final de semana ensolarado, boas companhias - tem combinação melhor?

5. S de Saudade - Luiza & Maurílio, feat. Zé Neto & Cristiano

"S de Saudade" é a grande música de Luiza & Maurílio, responsável por lançar o nome da dupla aos quatro cantos do Brasil. Em 2020, a música virou febre, chegando aos tops do Spotify e do YouTube. O verso "Sextou com S de Saudade" viralizou. Um sucesso estrondoso!

6. Graveto - Marília Mendonça

A "Rainha da Sofrência" tem motivos de sobra para comemorar o ano de 2020. Além de "Graveto" ter encerrado 2020 bombando no YouTube, Marília Mendonça fechou o ano com alguns recordes: artista brasileira mais tocada no Spotify, live mais vista da história do YouTube... Não precisa dizer mais nada.

7. Litrão - Matheus & Kauan

Com refrão chiclete, "Litrão", primeiro single do projeto 10 Anos na Praia, entra na cabeça e não sai mais, tanto que logo nos primeiros meses de 2020 já era uma das mais executadas na plataforma Spotify. Ficar de boa ou cair na farra? Eis a questão da música que deu origem a vários memes na web em 2020.

8. Sentadão - Pedro Sampaio, Felipe Original, JS o Mão de Ouro

Mas 2020 não foi só o ano do sertanejo. Outros estilos, como o brega-funk de "Sentadão", deram muito o que falar. A música nasceu do intercâmbio musical entre o carioca Pedro Sampaio e os pernambucanos Felipe Original e JS o Mão de Ouro. Resultado: hit eletrizante! Impossível ficar parado.

9. Volta Por Baixo (Ao Vivo) - Henrique & Juliano

A dupla Henrique & Juliano terminou 2020 bem de mais. Além de "Liberdade Provisória", canção mais reproduzida no Spotify, "Volta por Baixo" cravou um excelente quarto lugar na plataforma, confirmando o sucesso fenomenal da dupla sertaneja. O vídeo acima compõe o DVD gravado no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo.

10. Água com Açúcar - Luan Santana

Luan Santana realizou o feito de ser o único músico brasileiro a ter duas músicas no top 20 do ano nas rádios: além da romântica "Água com Açúcar", "Asas" ficou entre os hits mais ouvidos pelos brasileiros. O clipe de "Água com Açúcar" liderou o ranking dos mais vistos no mês de maio de 2020.

11. Oh Juliana - Niack

O funkeiro Niack foi uma das grandes sensações do ano de 2020, e isso se deve, em grande medida, ao sucesso de "Oh Juliana", funk que em julho de 2020 realizou o feito de liderar o ranking do Spotify. O feito se torna ainda mais extraordinário quando lembramos que até o início de 2020 Niack trabalhava numa fábrica e estava ainda bem longe dos holofotes.

12. Amoreco - Simone & Simaria

"Amoreco" foi lançada no início de 2020 no DVD Bar das Coleguinhas 2. O projeto mescla músicas já consagradas com grandes novidades - "Amoreco" está na lista das novidades. O sucesso de "Amoreco" fez com que a música alcançasse mais de 15 milhões de visualizações no YouTube em menos de um mês.

13. Aí Eu Bebo - Maiara & Maraisa

2020 foi um ano excelente para as gêmeas Maiara e Maraisa: basta dizer que a dupla ficou em terceiro lugar no ranking de artistas mulheres criado pela plataforma Deezer (perdeu para Marília Mendonça e Anitta). E a música "Aí Eu Bebo" (EP Aqui em Casa) foi uma das grandes responsáveis por esse sucesso espetacular.

14. Barzinho Aleatório - Zé Neto & Cristiano

A dupla Zé Neto & Cristiano bombou em 2020. O reconhecimento veio com a indicação de Por Mais Beijos (Ao Vivo) ao Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Música Sertaneja. O prêmio não veio, mas só a indicação já é motivo de muito orgulho para a dupla. Boa parte do sucesso desse disco se deve ao hit "Barzinho Aleatório", que mistura sofrência e mesa de bar.

15. Cheirosa (Ao Vivo) - Jorge & Mateus

Ao longo de todo o ano de 2020, "Cheirosa" foi a 10ª música mais ouvida no YouTube. Segundo lista divulgada pelo ECAD (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição), "Cheirosa" era a música mais ouvida pelos brasileiros nos últimos meses de 2020, desbancando "Cobaia" (Lauana Prado) e "Liberdade Provisória" (Henrique & Juliano).

16. Declaração pro Bar - Guilherme & Benuto

Os irmãos Guilherme & Benuto tiveram um 2020 ótimo em termos profissionais, firmando-se como uma das maiores duplas sertanejas do país. Prova disso são os números do Spotify: no primeiro semestre de 2020, ficaram no top 10 de artistas sertanejos mais ouvidos no principal aplicativo de música.

Gostou? Veja também: