Músicas dos anos 90: os 24 sucessos internacionais mais tocados


Atualizado em

Saudades dos anos 90? Então você vai adorar ouvir esta playlist com as 24 músicas internacionais mais tocadas nas rádios de todo o país e que bombaram no mundo inteiro. Bora lá?

I Will Always Love You, Whitney Houston

Composta por Dolly Parton e gravada pela primeira vez em 1974, "I Will Always Love You" foi um verdadeiro estouro no início dos anos 90 na voz de Whitney Houston. Foi uma das músicas mais tocadas nas rádios brasileiras em toda a década, impulsionada pelo sucesso do filme O Guarda-Costas. A música ficou nada menos que 14 semanas no topo da parada de sucessos dos EUA entre 1992 e 1993!

Immortality, Céline Dion e Bee Gees

De autoria dos irmãos Gibb, "Immortality" foi gravada pela cantora canadense Céline Dion no final dos anos 90 com participação dos Bee Gees. No Brasil, ficou super famosa a versão em português lançada pela dupla Sandy & Júnior em 1999. Quem é que não se lembra?

Un-break My Heart, Toni Braxton

Fruto do álbum Secrets, o segundo da cantora Toni Braxton, "Un-break My Heart" ("Conserte meu coração") ficou 11 semanas no topo das paradas de sucesso dos Estados Unidos entre dezembro de 96 e fevereiro de 97. Tornou-se a marca-registrada de Braxton, rendendo-lhe o Grammy de Melhor Performance Vocal Pop Feminina em 97. No Brasil, foi a música mais tocada de 97.

Have You Ever Really Loved a Woman?, Bryan Adams

Que saudade dos anos 90, não é mesmo? Ainda mais quando ouvimos canções como essa, que simplesmente bombaram nas rádios de todo o país. No caso desse sucesso de Bryan Adams, impossível deixar de lembrar do filme Don Juan DeMarco, de 1994, estrelado por Johnny Depp. Foi a 4ª música mais tocada nas rádios brasileiras em 1995.

Macarena, Los Del Rio

Impossível ouvir "Macarena" sem fazer a dancinha. Tá lembrado? Quem já passou dos 30 com certeza ouviu e dançou muito esse hit no verão 96/97. A música é daquelas chiclete. No Brasil, foi a 4ª mais tocada pelas rádios em 96. Nos EUA, ficou nada menos que 14 semanas consecutivas no topo das paradas, tornando-se a 6ª canção em língua não-inglesa a ocupar o topo do ranking.

Take a Bow, Madonna

Essa emocionante balada pop que fala de um caso de amor não correspondido levou Madonna ao topo das paradas de sucesso norte-americanas por 7 semanas em 1995. O videoclipe, filmado na Espanha, também fez muito sucesso, sendo reprisado diariamente na MTV.

The One, Elton John

Se "Take a Bow", da Madonna, fala de amor não correspondido, "The One" é uma ode ao amor, ao encontro da pessoa certa. "Quando estrelas colidem como você e eu / Nenhuma sombra bloqueia o Sol", dizem dois versos do refrão que embalou muitos corações no ano de 1992.

Breathe Again, Toni Braxton

Com "Breath Again", lançada em novembro de 1993, Toni Braxton venceu seu segundo Grammy consecutivo na categoria Melhor Performance Vocal Feminina de R&B. No Brasil, foi a música mais tocada pelas rádios em 1994. A letra é bem romântica e fala de uma pessoa que, diante da possibilidade de perder seu amor, diz que não será capaz de respirar de novo. Forte, hein?

Change The World, Eric Clapton

O grande nome do Grammy 1996 foi Eric Clapton. A música: "Change The World", mais uma canção super romântica da década de 90. No Grammy, "Change The World" venceu nas categorias Gravação do Ano, Música do Ano e Melhor Performance Vocal Pop. Um verdadeiro estouro!

More Than Words, Extreme

Quem viveu os anos 90 ouviu essa música até dizer chega. Em 1991, "More Than Words" liderou por uma semana as paradas de sucesso norte-americanas, e até hoje ainda toca com frequência nas rádios. Uma das qualidades da canção é a batida de violão de Nuno Bettencourt. A introdução é inconfundível!

End Of The Road, Boyz II Men

"End Of The Road", gravada pelo grupo vocal de rhythm and blues Boyz II Men, fez um sucesso estrondoso no início dos anos 90, mantendo-se durante 13 semanas no topo das paradas nortes-americanas em 1992. Esse recorde só foi quebrado dois anos depois, com "I Will Always Love You", de Whitney Houston.

Dreamlover, Mariah Carey

1993 foi o ano de Mariah Carey. Nos EUA, "Dreamlover" (algo como "namorado dos sonhos") liderou as paradas de sucesso por 8 semanas, entre setembro e outubro daquele ano. Como se não bastasse, "Hero" também chegou ao topo em dezembro, fechando o ano com chave de ouro.

Linger, The Cranberries

"Linger" é o maior sucesso da banda irlandesa The Cranberries, que logo no seu álbum de estreia, lançado em 93, alcançou fama mundial. No Brasil, foi a 4º música mais tocada nas rádios no ano de 1994. A bela voz de Dolores O'Riordan marcou toda uma geração.

What’s Up, 4 Non Blondes

"What's Up", da banda de rock norte-americana 4 Non Blondes, foi a 5ª música mais tocada nas rádios brasileiras no ano de 1993, superando inclusive o sucesso que a música fez nos EUA. A letra fala, da perspectiva de um jovem, de crise existencial e desejo de mudança.

Lovefool, The Cardigans

"Lovefool", da banda sueca The Cardigans, foi a 3ª música mais tocada nas rádios brasileiras no ano de 1997. Ajudou a impulsionar a canção o fato dela ter feito parte da trilha sonora do filme Romeo + Juliet, com Leonardo DiCaprio e Claire Danes. Realmente, marcou época.

The Sign, Ace of Base

Outro grupo sueco que bombou nos anos 90 foi o Ace of Base, que pôs muita gente pra dançar nas discotecas com hits como "The Sign". A canção foi a mais tocada nos EUA no ano de 1994, ficando 6 semanas não consecutivas no topo das paradas de sucesso. No Brasil, foi a 3ª mais tocada daquele ano.

Another Day In Paradise, Phil Collins

Embora essa canção tenha sido lançada em outubro de 1989, ela abriu a década de 90 como uma das mais tocadas no mundo inteiro. Nos EUA, ocupou o 1º lugar das paradas de sucesso nas duas últimas semanas de 89 e nas duas primeiras de 90. No Brasil, foi a 2ª mais tocada em 1990. A letra denuncia as condições de vida das populações mais pobres das grandes cidades.

Save The Best For Last, Vanessa Williams

A música mais famosa da cantora norte-americana Vanessa Williams ficou 5 semanas no topo da lista das paradas de sucesso dos EUA em 1992. Nesse mesmo ano, foi a 4ª música mais executada pelas rádios brasileiras.

Nothing Compares 2U, Sinéad O’Connor

De autoria de Prince, "Nothing Compares" foi uma febre nos anos 90, sendo tocada à exaustão até hoje pelas rádios mais nostálgicas. Nos EUA, foram 4 semanas no topo das paradas de sucesso, enquanto que no Brasil foi a 5ª mais executada pelas rádios.

Torn, Natalie Imbruglia

A versão de "Torn" da cantora australiana Natalie Imbruglia fez muito sucesso na segunda metade dos anos 90, sendo a 4ª mais tocada nas rádios brasileiras em 1998. "Torn" ("ferida"), como o próprio nome já sugere, fala das feridas abertas após uma má experiência amorosa. Como diz a canção, quando nada está certo, até o céu perfeito está rasgado.

2 Become 1, Spice Girls

Já no álbum de estreia, intitulado Spice (1996), o quinteto britânico mostrou a que veio, emplacando alguns hits, como "Wannabe", "Say You'll Be There" e, claro, a balada pop "2 Become 1", que liderou por 3 semanas as paradas de sucesso britânicas. Não dá para falar da cena pop dos anos 90 sem falar das Spice Girls.

Kiss from a Rose, Seal

O ano de 95 talvez tenha sido o grande momento da carreira do cantor britânico Seal. Feita para a trilha sonora do filme Batman Forever, a gravação de "Kiss from a Rose" rendeu a Seal nada menos que 3 Grammy: nas categorias Melhor Gravação do Ano, Melhor Música do Ano e Melhor Performance Vocal Masculina Pop.

Wonderwall, Oasis

Lançada em 1995, "Wonderwall" talvez seja uma das músicas mais famosas da banda britânica Oasis. Aliás, até hoje a música faz muito sucesso, tendo ultrapassado a marca das 255 milhões de visualizações no YouTube. A canção atingiu o 2º lugar nas paradas de sucesso britânicas e o CD (What's the Story) Morning Glory? foi um dos mais vendidos nos EUA em 1995.

Gostou desse conteúdo? Então experimente dar uma olhada nestes também:

Anos 80: as 24 melhores músicas internacionais para relembrar os velhos tempos

Anos 70: as 24 melhores músicas dessa década incrível