Os 15 melhores livros de Stephen King, o mestre do terror


Atualizado em

Desde a publicação de seu primeiro livro, Carrie: A Estranha, em 1974, Stephen King tem se dedicado a explorar gêneros como o terror e o suspense. Suas histórias envolventes e sinistras fizeram - e fazem - tanto sucesso que o transformaram no "mestre do terror" contemporâneo. Todo esse sucesso rendeu várias adaptações para o cinema.

Com base na opinião dos usuários do site Summer Reading - o maior site do mundo para leitores -, preparamos uma lista com os melhores livros de Stephen King. Bora começar a ler?

15. A Zona Morta (1979)

A Zona Morta

A Zona Morta é o 7º romance de Stephen King. Nele o mestre do terror explora um tema bastante curioso: as supostas capacidades inexploradas de nosso cérebro. Após um acidente grave, John Smith acorda do coma e descobre que ganhou poderes, talvez advindos de uma "zona morta" de seu cérebro que foi acionada. Basta um toque ou aperto de mão para que John acesse segredos e preveja acontecimentos. Achou legal? Pois saiba que isso pode trazer muitos problemas.

14. A Torre Negra III: As Terras Devastadas (1991)

As Terras Devastadas é apenas o 3º volume da série A Torre Negra (que tem ao todo 7 volumes e mais de 4 mil páginas!). Neste livro, o leitor continua acompanhando a saga de Roland Deschain num mundo desolado (bem ao estilo pós-apocalíptico Mad Max). Descendente de uma classe de pistoleiros quase extinta, Roland está cada vez mais perto da mágica Torre Negra, o ponto de chegada de sua missão de vida ou morte.

13. A Longa Marcha (1979)

Publicado, por uma questão de marketing editorial, com o pseudônimo de Richard Bachman, A Longa Marcha explora o gênero distópico. Trata-se de um suspense de roer as unhas em que um garoto chamado Ray Garrety se inscreve para participar de uma competição realizada todos os anos. O vencedor da Longa Marcha tem o direito de possuir o que quiser. Já os perdedores são fuzilados. São mais de 500 km a serem percorridos por 100 competidores. Mas só um chegará lá.

12. A Torre Negra II: A Escolha dos Três (1987)

No segundo volume da série, a jornada de Roland Deschain em busca da Torre Negra prossegue. Guiado pelas cartas, "O Último Pistoleiro" terá de encontrar três pessoas em três tempos diferentes (mas sempre na cidade de Nova York) antes de continuar sua caminhada em direção à Torre Negra. Os portais revelarão histórias altamente surpreendentes e desafiadoras para Roland.

11. Quatro Estações (1982)

Se você está a fim de experimentar a faceta contista de Stephen King, Quatro Estações é a melhor opção. Além da leitura ser muito agradável, as quatro histórias são realmente fascinantes. Desta vez, o gênero terror - pelo qual King é mais conhecido - é deixado de lado para dar lugar ao drama e ao suspense. Três filmes famosos são adaptações de contos desse livro: Um Sonho de Liberdade, O Aprendiz e Conta Comigo (clássico do cinema teen dos anos 80).

10. A Torre Negra I: O Pistoleiro (1982)

Aqui começa a longa saga A Torre Negra, o projeto mais ambicioso de Stephen King - segundo ele mesmo. Nesta primeira parte, somos apresentados ao Mundo Médio, a Roland Deschain e a sua missão: chegar à Torre Negra, matriz do espaço e do tempo, a fim de impedir que ela seja destruída. Mas Roland precisa primeiro encontrar o Homem de Preto, que possui informações importantes sobre a localização da Torre.

A saga Torre Negra foi construída a partir de várias referências. Dentre as mais importantes estão as narrativas de J. R. R. Tolkien e as histórias de faroeste. Ela foi adaptada para o cinema em 2017 e há um projeto em andamento para transformá-la em série para TV. Vamos aguardar.

9. Carrie: A Estranha (1974) - o primeiro livro de Stephen King

Carrie A Estranha

Quem é fã de Stephen King não pode deixar de saber como tudo começou. Carrie é seu primeiro livro publicado, numa época em que ele ainda dava aulas de inglês. O sucesso foi estrondoso e projetou King nacionalmente. Depois disso, vieram em velocidade crescente outros romances de sucesso.

Carrie é o nome de uma menina tímida e praticamente sem vida social. Isso se deve a uma educação rígida pautada pelo fanatismo religioso da mãe. Resultado: Carrie sofre bullying pesado na escola e não tem nenhuma arma para se defender a não ser seus poderes telecinéticos. Sim, Carrie pode mover coisas com a força do pensamento!

8. À Espera de um Milagre (1996)

À Espera de um Milagre (lançado originalmente em 6 volumes como O Corredor da Morte) é um livro absolutamente incrível de Stephen King. O narrador é Paul Edgecombe, um velhinho que conta a história da época em que era guarda da Penitenciária Cold Montain, local para onde eram enviados presos sentenciados à cadeira elétrica. Lá ele conhece John Coffey, condenado à morte por assassinar duas garotinhas. Mas aos poucos Paul vai descobrindo que John, além de parecer inocente, possui poderes mágicos. A adaptação para o cinema, com Tom Hanks e Michael Clarke Duncan, é de chorar como se estivesse cortando cebola!

7. Novembro de 63 (2011)

O sonho de viajar no tempo rende ótimas histórias. E dá para dizer que Stephen King é obcecado pelo tema. Em Novembro de 63, o projeto de viajar no tempo é levado a cabo por uma razão bastante específica: evitar que o ex-presidente dos EUA John F. Kennedy seja assassinado. Guiado por essa missão que pode mudar a história do mundo, o professor de inglês Jake Epping atravessa o portal que o leva ao ano de 1958, cinco anos antes do fatídico dia 22 de novembro de 1963.

6. O Cemitério (1983)

O Cemitério

A família Creed acaba de se mudar para uma pequena cidade do estado do Maine, nos EUA. Num passeio exploratório, os Creed descobrem um cemitério de animais num bosque próximo. Acontecimentos sombrios começam a perturbar a rotina da família, sobretudo do pai, Louis, que certo dia é atormentado por uma visão sinistra que o alerta sobre os perigos existentes numa região situada além do cemitério dos bichos.

Esta é uma das histórias de terror mais famosas de King. Ela inspirou o clássico Cemitério Maldito, de 1989, para o qual a banda de punk rock Ramones escreveu a canção "Pet Sematary".

5. Salem/A Hora do Vampiro (1975)

Um dos livros mais cultuados do mestre King explora um tema bem clássico do terror: os vampiros. Basicamente, a história de Salem gira em torno de três personagens: o escritor Ben Mears, o comerciante Kurt Barlow e o garoto Mark Petrie. Após mais de duas décadas, Ben retorna à pequena e pacata Jerusalem's Lot para escrever um livro e descobre que a assustadora mansão Marsten acabou de ser adquirida pelo forasteiro Barlow. Subitamente, coisas sinistras começam a ocorrer na cidade.

4. Misery: Louca Obsessão (1987)

Nenhum livro é melhor do que Misery para descrever o gênero terror psicológico. Vamos à sinopse: um escritor é apanhado por uma nevasca e sofre um grave acidente de carro. Bastante ferido, ele é resgatado por uma enfermeira, que o leva para a sua casa e cuida dele. A enfermeira considera-se fã número 1 do escritor. No entanto, ela não gostou do desfecho do último romance que ele escreveu e não está disposta a deixá-lo sair de sua casa enquanto ele não fizer alguma coisa a respeito.

3. O Iluminado (1977)

O Iluminado
Na célebre adaptação para o cinema, Jack Nicholson interpretou Jack Torrance,

Este talvez seja o romance mais conhecido de Stephen King, e isso se deve, em grande parte, ao sucesso estrondoso do filme de Stanley Kubrick lançado três anos após a publicação do livro. O escritor Jack Torrance é contratado para ser zelador do Hotel Overlook durante o inverno. Ele, sua esposa Wendy e seu filho Danny passarão meses isolados no hotel. Mas antes mesmo da viagem, Danny começa a ter premonições perturbadoras.

Veja também: Os 24 melhores filmes de terror para tomar os piores sustos!

2. It: A Coisa (1986)

De tempos em tempos, a pequena cidade de Derry é aterrorizada por eventos macabros, que incluem assassinatos e desaparecimentos. No verão de 1958, sete amigos que compõem o Clube dos Otários descobrem a causa do mal. Três décadas depois, os ataques da "Coisa" voltam a acontecer. Já adultos, os velhos amigos terão de novamente se unir para enfrentar mais essa ameaça.

1. A Dança da Morte (1978)

O primeiro da lista (ao menos de acordo com os votos dos leitores do site Summer Reading) é A Dança da Morte, romance do gênero pós-apocalíptico. Um erro de um computador de um centro laboratorial faz com que um vírus mortal seja liberado, dizimando em pouco tempo quase a totalidade da população mundial. Todo o mundo que conhecemos foi destruído, restando aos sobreviventes a tarefa difícil de vencer o mal e reconstruir a civilização.

Gostou desse conteúdo? Então experimente ler também:

Os 17 melhores livros de suspense e terror para roer as unhas lendo

Conheça os 15 livros mais vendidos de todos os tempos!