Os maiores estelionatários de todos os tempos (e seus golpes mais ousados)


Algumas pessoas ganham dinheiro com trabalho honesto e integridade, enquanto outras preferem tomar caminhos mais "criativos", como o estelionato, que é o crime de enganar, de roubar alguém.

Os estelionatários dessa lista foram muito ousados, malandros e causaram problemas a muita gente…

1. Jeanne de Valois-Saint-Remy (1756-1791)

Maiores Estelionatários_Jeanne de Valois-Saint-Remy

Jeanne de Valois-Saint-Remy foi protagonista de um dos golpes com maior impacto na História. Ela era uma francesa que queria muito ser rica, mas seu marido não ganhava muito dinheiro. Um dia, Jeanne ouviu sobre um colar de diamantes que estava à venda, mas que só poderia ser comprado pelo rei e a rainha da França, Luís XVI e Maria Antonieta, devido ao alto preço da jóia.

A vigarista, então, teve uma ideia. Amante de um cardeal que precisava ganhar a confiança da rainha, Jeanne se aproveitou da situação e, usando cartas forjadas por outro amante seu, ela convenceu o cardeal que a rainha queria um empréstimo para comprar o colar em segredo.

Jeanne até montou um encontro com a “rainha” (uma prostituta parecida com Maria Antonieta), fazendo com que o cardeal acabasse comprando o colar. Quando o colar estava em suas mãos, Jeanne tratou de vender logo os diamantes.

Curiosidade interessante:

Jeanne e seus cúmplices foram apanhados e julgados em público, porque o rei e a rainha queriam provar que não tiveram parte no negócio. Mas o contrário aconteceu! Jeanne caiu na graça do povo e convenceu a todos que era tudo culpa de Maria Antonieta. Esse acontecimento piorou a reputação já frágil da rainha e, alguns anos depois, a coitada perdeu a cabeça na Revolução Francesa.

Descubra aqui: 17 mulheres importantes que marcaram a História.

2. Charles Ponzi (1882-1949)

Maiores Estelionatários_Charles Ponzi

Charles Ponzi se tornou tão notório que deram seu nome a um tipo de fraude. Um esquema Ponzi é um falso negócio, em que o golpista promete bons retornos aos seus investidores. Na verdade, o golpista fica com o dinheiro e depois paga os retornos aos primeiros investidores com o dinheiro de novos investidores.

Imigrante italiano nos Estados Unidos, Charles Ponzi não foi o primeiro a usar esse esquema, mas ele tornou-o conhecido. Ele convencia seus investidores que seu negócio iria comprar cupões para selos na Itália, onde eram mais baratos, para depois vendê-los nos Estados Unidos com um bom lucro. O problema? Ele nunca comprou um único cupão!

Quando a fraude foi expostas, Charles Ponzi foi para a cadeia, perdeu seu dinheiro e caiu na desgraça. Ele morreu pobre e fugitivo no Brasil.

3. Ferdinand Waldo Demara Jr. (1921-1982)

Maiores Estelionatários_Ferdinand Waldo Jr

Este estelionatário não estava muito interessado no dinheiro. Seu interesse era ganhar poder. Com uma inteligência acima do normal, Ferdinand Demara criou várias identidades falsas e conseguiu emprego como monge, psicólogo, professor e até cirurgião!

Em certa ocasião, ele foi contratado como cirurgião a bordo de um navio do exército e vários tripulantes ficaram feridos. Ferdinand nunca tinha realizado uma cirurgia mas ele leu um manual sobre o assunto e todos os seus pacientes sobreviveram!

Esse acontecimento saiu nos jornais e ele foi desmascarado. O estelionatário acabou seus dias trabalhando como ministro religioso em um hospital (onde a maioria das pessoas não sabia que ele tinha fingido ser tanto um médico quanto um frade).

4. Natwarlal (1912-2009)

Maiores Estelionatários_Natwarlal

O vigarista indiano Natwarlal elevou o estelionato a novos níveis, chegando a vender o Taj Mahal, um dos monumentos mais conhecidos do mundo, três vezes!

Natwarlal também vendeu o edifício do Parlamento indiano, junto com todos os ministros que estavam lá dentro! Esse foi apenas um de muitos esquemas que ele montou ao longo da vida, além de roubar muitos bens usando cheques falsos e de forjar assinaturas de celebridades.

Por 9 vezes a polícia indiana apanhou Natwarlal e ele foi condenado a mais de 100 anos de prisão. Mas em todas as vezes ele conseguiu fugir da prisão, cumprindo apenas 20 anos de cadeia. Sua última fuga foi com a idade de 84 anos, a caminho do hospital! Natwarlal nunca mais foi apanhado e supostamente morreu em 2009.

5. Frank Abagnale Jr. (1948-)

Maiores Estelionatários_Frank Abagnale

Curiosidades:

  • Sua história virou filme
  • Precoce: maiores crimes foram cometidos antes dos 22 anos
  • De bandido, virou herói!

A história de Frank Abagnale é tão impressionante que até deu um filme! Prenda-me se for Capaz conta como ele conseguiu criar muitas identidades falsas e burlar milhões, tudo antes de ter 22 anos.

Ele aprendeu a forjar cheques e inventou várias formas criativas de convencer as pessoas a entregarem-lhe somas grandes de dinheiro. Fingiu até ser piloto de avião, viajando pelo mundo à custo das companhias aéreas. Em algumas ocasiões, ele até foi convidado a pilotar! Também fingiu ser médico e forjou credenciais da Universidade de Harvard e passou no exame para ser advogado.

Depois de passar tempo preso na França, na Suécia e nos Estados Unidos, o FBI fez um acordo com Frank Abagnale, que começou a ajudá-los em investigações de estelionato e fraude. Atualmente, ele tem uma empresa que ajuda seus clientes a evitar burlas e dá palestras sobre fraude e segurança. Frank Abagnale mudou de vilão para herói!

6. Henri Lemoine (ativo em 1905-1908)

Maiores Estelionatários_Henri Lemoine

O francês Henri Lemoine foi provavelmente o primeiro a vender a ideia que conseguia produzir diamantes sintéticos a partir de carvão. Ele atraiu a atenção de alguns investidores e montou uma apresentação que os deixou impressionados! Numa fornalha bem quente, Lemoine adicionou carvão, que poucos segundos depois foi transformado em diamante!

Os investidores acreditaram naquela inovação e, durante alguns anos, o vigarista fingiu que estava criando uma fábrica de diamantes sintéticos. Passado algum tempo, os investidores suspeitaram da falcatrua e o levaram a tribunal. As autoridades deram a ele a oportunidade de recolher evidência para provar que era inocente, mas Henri Lemoine fugiu e nunca mais foi visto!

Você deve estar se perguntando o segredo da transformação de carvão em diamantes, certo? A verdade é que a fornalha tinha um fundo falso, onde Lemoine tinha escondido alguns diamantes para mostrar no fim da apresentação.

7. Carlos Kaiser (1963-)

Maiores Estelionatários_Carlos kaiser4

O mundo do futebol brasileiro também não fica livre da ação de vigaristas. Kaiser teve uma carreira de 26 anos como jogador profissional de futebol, passando por vários clubes e diversos países. Só havia um pequeno detalhe: ele não jogava futebol!

Kaiser mentia sobre suas capacidades de futebolista para convencer os clubes a contratá-lo. Depois, na hora de chutar a bola, ele fingia ter uma lesão e ficava sem jogar. Como seus contratos eram de curta duração, as “lesões” duravam tempo suficiente para acabar.

Com essa tática, nos anos 80 Carlos Kaiser passou por equipes brasileiras (como Flamengo, Bangú e Botafogo), mexicanas, portuguesas e até francesas. Tudo isso sem saber jogar direito.

Leia aqui: os 10 maiores campeões da história do Futebol Brasileiro.

8. Anthony Gignac (1970-)

Maiores Estelionatários_Anthony Gignac

Anthony Gignac era mais conhecido entre suas vítimas como Khalid bin al-Saud, príncipe da Arábia Saudita. Roubando a identidade de um verdadeiro príncipe, o colombiano que cresceu nos Estados Unidos conseguiu burlar milhões! Para abrir os bolsos das vítimas, bastava a promessa de acesso à família mais poderosa do mundo: a família real da Arábia Saudita.

Pego pela boca!

Sua última tentativa de estelionato foi a mais ousada. O dito Khalid bin al-Saud mostrou interesse em comprar um hotel por centenas de milhões de dólares. Mas, para cumprir com a tradição saudita, o dono do hotel deveria oferecer-lhe primeiro várias prendas muito caras. Ele conseguiu burlar o negociante até o momento em que cometeu um erro fatal: o suposto príncipe muçulmano comeu carne de porco em sua presença, um pecado muito grave no Islã.

Com isso, seu império de mentiras ruiu e ele foi preso. Estima-se que ele tenha roubado entre 7 e 8 milhões de dólares às suas vítimas.

9. Elizabeth Holmes (1984-)

Maiores Estelionatários_Elizabeth Holmes

Dentre as vigarices do mundo da medicina moderna destaca-se o escândalo da Theranos, uma empresa que prometia revolucionar o diagnóstico de doenças, fazendo testes para dezenas de doenças a preços baratos. Com essa promessa, a fundadora, Elizabeth Holmes, se tornou uma das empresárias mais ricas do mundo!

A ideia era fantástica… mas a tecnologia não funcionava. Mesmo assim, Elizabeth Holmes convenceu muitos investidores e se tornou uma celebridade no Silicon Valley.

Como a tecnologia da Theranos não dava certo, a empresa usava tecnologia que já existe para realizar os testes, mas seu processo não era seguro e os dados davam mais erros que o normal. Quando jornalistas desvendaram esse escândalo, a empresa faliu e a reputação de Elizabeth Holmes mudou de revolucionária para vigarista.

Veja também: os 15 homens (e as 15 mulheres) mais ricos do mundo.

10. Victor Lustig (1890-1947)

Maiores Estelionatários_Victor Lustig

Victor Lustig era um austro-húngaro muito inteligente, que conseguiu aprender várias línguas. Ele viajou pela Europa e os Estados Unidos, realizando vários golpes e se tornando um vigarista conhecido.

Casos mais famosos

  • Venda da Torre Eiffel

O golpe mais famoso de Lustig aconteceu quando ele vendeu a Torre Eiffel em peças. O vigarsta convenceu um negociante de metal que a torre era muito cara para o Estado manter e que ele era um oficial do governo encarregado de sua demolição. Pelo preço certo, o negociante poderia comprar o direito a todo esse metal. A vítima caiu na armadilha, entregou o dinheiro e… nunca mais viu Victor Lustig.

  • Máquina de dinheiro

Nos Estados Unidos, Lustig criou uma máquina que supostamente imprimia dinheiro. O único senão era que levava 6 horas a replicar o dinheiro, tempo mais que suficiente para o trapaceiro fugir do comprador da máquina.

  • Burla da máfia

Em outro caso, Victor Lustig conseguiu burlar o mafioso Al Capone. Ele convenceu o criminoso a investir dinheiro em um negócio que não existia, mas em vez de fugir com o dinheiro e ter a Máfia toda atrás dele, ele guardou o dinheiro por algum tempo e depois o entregou de volta a Al Capone, alegando que o negócio tinha falhado. Com dó do homem “honesto”, Al Capone deu-lhe uma soma generosa de dinheiro!

11. Bernie Madoff (1938-)

Maiores Estelionatários_Bernie Madoff

Bernie Madoff realizou a maior fraude fiscal da História. Com seu esquema, ele roubou bilhões de dólares de seus investidores! Como? Fingindo ser um investidor brilhante na bolsa de valores.

A ideia era simples: ele prometia grandes lucros a quem investisse dinheiro em sua empresa. Em nome dos investidores, a empresa de Madoff depois investia o dinheiro na bolsa de valores, em negócios que davam bons lucros. Mas o dinheiro nunca era investido na bolsa. Bernie Madoff simplesmente transferia-o para sua conta pessoal no banco!

Quando um investidor queria receber seus lucros, Madoff tirava o dinheiro de sua conta pessoal, forjava alguns documentos da bolsa de valores e entregava tudo ao cliente satisfeito. Desde que houvesse sempre mais pessoas a investir do que a retirar seu dinheiro, o negócio estava seguro. Bernie Madoff foi preso em dezembro de 2008 e está agora servindo uma pena de prisão de 150 anos.

Descubra alguns filmes sobre golpistas que marcaram o mundo da ficção

Muitos outros estelionatários andaram por aí, na vida real e também na ficção. Trouxemos uma lista com cinco filmes que falam sobre histórias de golpistas, reais e de mentirinha.

1. O Lobo de Wall Street

O Lobo de Wall Street

O filme de Martin Scorsese conta a história real de Jordan Belfort, um corretor americano corrupto que ganhava enormes quantidades de dinheiro enganando investidores.

2. Onze homens e um segredo

Onze homens e um segredo

O primeiro filme da trilogia conta a história de Danny Ocean (George Clooney), um homem que volta da prisão e monta um plano para, junto com um grupo de ladrões, roubar cassinos pertencentes a um empresário de quem ele deseja se vingar.

3. Os vigaristas

Os vigaristas

Com esse título já dá para entender (quase) tudo! A produção aborda a história do vigarista Roy Waller (Nicolas Cage) e seu comparsa, dois mestres em todo o tipo de roubo e enganação. Quando Roy descobre que tem uma filha, ele quer mudar de vida, mas antes decide se envolver no que acredita ser seu último golpe.

4. Prenda-me se for capaz

Prenda-me se for capaz

Esse é o filme baseado na vida de Frank Abagnale Jr., que já contamos no início desse post. Um homem que depois de sofrer uma decepção na família, decide viver a vida roubando, enganando e assumindo várias identidades diferentes, todas falsas.

5. Trapaça

Trapaça_2

Trapaça relata a relação de Irving Rosenfeld e sua amante, que se vêem obrigados a se envolver com o mundo da máfia. A situação só fica mais tensa quando a esposa de Irving passa a fazer parte do jogo.

Atualizado em