12 filmes para chorar como se estivesse cortando a cebola mais cruel


Ana Laura Cruz
Ana Laura Cruz
Mestre em Gestão e Estudos da Cultura

Às vezes parece que o maior objetivo de alguns cineastas é arrancar rios de lágrimas dos espectadores. E eles conseguem, ah, como conseguem!

Se você está à procura de filmes para extravasar as suas emoções, chegou ao lugar certo! Prepare o seu coração e os lencinhos, pois não podemos garantir que não vá precisar enxugar algumas lágrimas até o fim da lista:

Meu Primeiro Amor (1991)

Meu Primeiro Amor

Quem nunca assistiu na sessão da tarde às aventuras dos amigos Vada e Thomas, tentando atrapalhar o novo namoro do pai da menina? Você pode até não ter visto o filme, mas com certeza se lembra da música tema “My Girl” eternizada pelas vozes dos The Temptations. Mas nem tudo é um mar de rosas para esses dois e o final trágico do filme deixa qualquer um de coração partido.

O Menino do Pijama Listrado (2008)

O Menino do Pijama Listrado

Seguindo ainda a linha das amizades infantis, este filme ambientado na Alemanha durante a II Guerra Mundial traz a improvável relação de Bruno, filho de um comandante alemão, e Shmuel, um menino judeu preso em um campo de concentração. A guerra por si só já é algo difícil de lidar, retratada pelo olhar ingênuo e sem maldade de Bruno se torna mais difícil ainda.

12 Anos de Escravidão (2013)

12 Anos de Escravidão

Solomon Northup é um músico negro livre que vive no norte dos Estados Unidos no ano de 1841, quando é sequestrado e vendido como escravo no sul do país. Ao longo de 12 anos, Solomon passa por situações degradantes e opressoras juntamente de seus companheiros escravos em duas fazendas diferentes. Ganhador do Oscar de melhor filme em 2014, 12 Anos de Escravidão traz a dura realidade da época para as telas e não desaponta na emoção.

Réquiem para um Sonho (2000)

Requiem paraum Sonho

Darren Aronofsky apresenta o mundo das drogas por seus ângulos mais feios neste belíssimo drama. Harry Goldfarb, vivido por Jared Leto, tem o sonho de abrir um negócio e uma namorada por quem é apaixonado, mas também com quem partilha o vício da heroína. Sua mãe, por sua vez, é dependente de metanfetamina. Acompanhar o degradante caminho dos personagens até o bruto final desta história é um soco no estômago.

Lion - A Longa Estrada para Casa (2016)

Lion - A Longa Estrada para Casa

Após se perder do irmão mais velho aos 5 anos de idade em uma estação de trem na Índia, Saroo, vivido por Dev Patel, é adotado por uma família australiana. Já adulto decide encontrar a sua família biológica. Baseada em fatos reais, esta história de encontros e desencontros toca fundo na sua criança interior.

Melancolia (2011)

Melancolia

Como o próprio título deixa claro, este não é um filme leve. Melancolia retrata a reação de duas irmãs quando descobre-se que um planeta está prestes a se chocar à Terra e destruir o planeta azul. Dividido em duas parte, a primeira apresenta a depressão profunda vivida por Justine, interpretada por Kirsten Dunst, no que deveria ser o dia mais feliz de sua vida. Na segunda parte, o foco está no desespero crescente de Claire, interpretada por Charlotte Gainsbourg, com a chegada iminente do planeta Melancolia.

Meninos não Choram (1999)

Meninos não choram

O irônico título do filme de Kimberly Pierce, traz Hilary Swank no papel de Brandon Teena, uma mulher que não se identifica com o gênero que nasceu e se muda para uma nova cidade no Nebraska para viver de acordo com o que sente ser o seu verdadeiro eu. Busca da identidade, intolerância, preconceito e violência são temas debatidos com uma veracidade que choca.

À Espera de um Milagre (1999)

À Espera de um Miagre

Se já não bastasse mandar um inocente com um coração de ouro para a cadeia, o coitado ainda por cima é sentenciado à morte. Como conter as lágrimas? A vida do carcereiro Paul Edgecomb, vivido por Tom Hanks, nunca mais será a mesma depois que John Coffey, interpretado por Michael Clarke Duncan, passa pelo Corredor da Morte onde trabalha. Com poderes sobrenaturais, o grandalhão ensina uma linda lição de amor e esperança ao carcereiro.

Amor (2012)

Amor

Um casal de idosos se mantém apaixonado após décadas de casamento e vivem uma vida feliz. O tempo é implacável e Anne, interpretada por Emmanuelle Riva, fica paralisada na metade do corpo após uma cirurgia que corre mal. Os cuidados de Georges, vivido por Jean-Louis Trintignant, e a promessa que faz à esposa são de derreter os corações mais gelados.

Moonlight: Sob a Luz do Luar (2016)

Moonlight: Sob a Luz do Luar

Como se não bastassem os conflitos internos enfrentados pelo protagonista, o pequeno Chiron ainda precisa lidar com a não-aceitação e violência que o seu jeito de ser desperta nas outras pessoas. Acompanhar a trajetória da transformação do menino até a idade adulta, observar as máscaras que usa para sobreviver no mundo da criminalidade e o preconceito que enfrenta vai lhe arrancar boas lágrimas. Não diga que não foi avisado!

À Procura da Felicidade (2006)

À Procura da Felicidade

Após ser roubado e despejado de casa, Chris Gardner, interpretado por Will Smith, tem a oportunidade de realizar um estágio não-remunerado para uma empresa de prestígio no mercado de ações. Disposto a dar uma vida melhor para o seu filho, este pai solteiro faz de tudo para realizar o seu sonho.

Diário de uma Paixão (2004)

Diário de uma Paixão

Se você não se emocionar com a história de Noah e Allie deve ganhar o troféu coração de gelo! Vividos por Ryan Gosling e Rachel McAdams, o amor do jovem casal não é bem visto pelos pais da moça e, quando Noah vai para a guerra, a mãe de Allie aproveita a chance para separar os dois. A história escrita em um caderno é contada por um idoso para uma senhora com Alzheimer em um lar de idosos. Preparem os lenços pois esta história de amor bate forte!

Ana Laura Cruz
Ana Laura Cruz
Mestre em Gestão e Estudos da Cultura, especializada em Comunicação Audiovisual desde 2009. Produz textos e eventos culturais. Viaja no mundo e na maionese, sempre que possível de carona.