Conheça as 10 aranhas mais venenosas do mundo!


Diferentemente das cobras, casos de morte por picada de aranha são bastante raros. Mesmo assim, esses animais pequeninos, alguns deles com apenas dois ou três centímetros de diâmetro, podem ser perigosos à nossa saúde. Dentre as espécies que vivem no Brasil, a mais venenosa é a armadeira.

1. Aranha-teia-de-funil (Atrax robustus): a aranha mais venenosa do mundo!

aranha teia de funil

Ela está no Guinness, o livro dos recordes, como a aranha que possui o veneno mais tóxico para os seres humanos! Ela é originária da Austrália, mais especificamente da capital Sydney e seus arredores. Seu nome se deve ao fato de sua teia ter uma forma parecida com um funil. Mortes humanas decorrentes de picadas de aranha são bastante raras, mas a Atrax robustus já protagonizou algumas delas na Austrália.

2. Viúva-negra (Latrodectus mactans)

Latrodectus mactans

Essa aranha venenosa é encontrada sobretudo no sudeste dos Estados Unidos. Seu nome se deve à crença de que a fêmea mataria e comeria o macho após a reprodução. Mas o canibalismo sexual não parece ser uma prática tão comum nessa espécie, tendo sido observada em laboratório em condições de aglomeração.

Apesar de não ser uma aranha agressiva, seu veneno é neurotóxico, podendo causar paralisia motora, e 15 vezes mais forte que o veneno de uma cobra cascavel. Apesar disso, são bastante raros os casos de morte por picada de viúva-negra.

3. Aranha-violinista (Loxosceles reclusa)

Loxosceles reclusa

Também conhecida como aranha-reclusa-marrom, essa aranha vive no sul dos Estados Unidos e tem esse nome pelo fato de passar a maior parte do dia escondida - às vezes dentro de casa! À noite, ela sai para caçar. Seu outro nome, violinista, faz referência ao formato de seu dorso. Seu veneno é hemolítico (ou seja, age destruindo os glóbulos vermelhos do sangue). O veneno mata as células próximas da picada e pode provocar gangrena.

4. Viúva-marrom (Latrodectus geometricus)

Latrodectus geometricus

Outra aranha muito venenosa é a viúva-marrom, que pertence ao mesmo gênero da sua prima viúva-negra. Aranhas do gênero Latrodectus são conhecidas por morderem de forma discreta, quase "em segredo". E de fato é comum que uma pessoa picada por uma aranha desse tipo só se dê conta de que foi picada quando os primeiros sintomas de envenamento começarem a surgir.

5. Aranha redback (Latrodectus hasselti)

Latrodectus hasselti

Outra integrante da venenosa família das viúvas é a redback ("costas vermelhas"). Esta espécie de aranha, que é bem parecida com a viúva-negra, pode ser encontrada em toda a Austrália e sua picada é bem perigosa. Graças ao antídoto, desde 1956 que nenhuma morte por picadas dessa aranha foi registrada na Austrália.

6. Armadeira (gênero Phoneutria)

Phoneutria

Muito comuns no Brasil, as espécies do gênero Phoneutria são conhecidas pela sua agressividade e pelo seu tamanho (podem chegar a 20 cm). Quando se sentem ameaçadas, em vez de fugir essas aranhas erguem as patas da frente para "armar" o ataque - daí serem chamadas popularmente de armadeira. Fora do Brasil, são chamadas de aranhas-errantes-brasileiras, porque não constroem teias e caçam andando no solo.

7. Viúva-vermelha (Latrodectus bishopi)

Latrodectus bishopi

Pequenina, mas perigosa. A viúva-vermelha, nativa do estado americano da Flórida, costuma ter cerca de 3 centímetros. Se veneno, no entanto, é bastante tóxico, e os sintomas da picada são semelhantes aos da viúva-negra: dor, náusea, cólicas. Felizmente para nós, seres humanos, a quantidade de veneno que uma aranha como essa é capaz de injetar é pequena, de modo que bem pouco provável que alguém morra por causa disso.

8. Aranha-do-saco-amarelo (Cheiracanthium inclusum)

Cheiracanthium inclusum

Essa aranha pode ser encontrada nas Américas do Norte, Central e Sul. Apesar de seu veneno não provocar grandes danos no ser humano, o que faz dessas aranhas perigosas é o fato delas serem comumente encontradas dentro das casas das pessoas. Seu veneno citotóxico pode causar necrose, mas isso é bastante raro.

9. Aranha-rato-de-cabeça-vermelha (Missulena occatoria)

Missulena

O nome aranha-rato veio de uma crença de que as aranhas do gênero Missulena cavavam tocas para se esconder. Outra versão diz que essas aranhas são capazes de comer ratos. Seja como for, a aranha-rato-de-cabeça-vermelha pode ser encontrada em toda a Austrália continental. A toxicidade de seu veneno ainda é pouco conhecida, mas o que se sabe é que pode ser bem tóxico em seres humanos.

10. Katipo (Latrodectus katipo)

Latrodectus katipo

Seu abdômen tem o tamanho de uma ervilha. Mas quem disse que tamanho é documento? No idioma maori, povo nativo da Nova Zelândia, katipo significa "ferrão da noite". Essa pequenina é da família das aranhas viúvas e, tal como suas parentes, tem veneno suficiente para matar um ser humano, embora não haja registros de mortes confirmadas. Uma picada causa mal-estar, dor local, febre e tremores.

Gostou desse conteúdo? Então com certeza vai adorar estes aqui:

Cuidado: estas são as 12 cobras mais venenosas do mundo!

Descubra as coisas mais perigosas que vivem no seu quintal